Eis que surge o poeta...

Eis que surge o poeta...
O haicai se inspira nas coisas belas do mundo

quarta-feira, 22 de setembro de 2010

Sonho realizado

Vossa senhoria
Gostaria
De me dar a honra desta dança
- sim!
Será que eu poderia
Falar da minha alegria
De te-la aqui na vizinhança
- sim!
Tu és uma simpatia
Penso em ti noite e dia
Desde quando era criança
- serio?
Você e eu formando uma família
Era tudo que eu queria
Acertaste meu peito como uma lança
Será?
Fiquei a ouvir o que responderia
Mas sua boca não se abria
Fiquei sem confiança
...
Mas de repente com voz macia
Sorrindo ela dizia
Essa sempre foi minha esperança
Ter você!

Tremenda emoção
Disparou meu coração
Do suspiro surgiu o beijo
Das lagrimas surgiu o abraço
Atenderam meu desejo
Meu Deus e agora
O que eu faço?

Já sei pra sempre vou te amar...

Um comentário:

Vania Staggemeier disse...

OLÁ POETA QUERIDO...
Quanta magia nesta contra-dança...
Até as palavras dançaram em minha mente agora.. uauuu uma declaração bela a sua musa inspiradoura...
Aplausosss amigo sempre a vc...

Bjinhosss